terça-feira, 30 de abril de 2013

[Quem Sou Eu?] - Autor/a Mistério 7: Pistas 3


Ninguém acertou ainda.
E aí vem a terceira pista.

Regras:
- Apenas podem participar residentes em Portugal Continental e Ilhas
- Ser seguidor do blog ou da página de facebook da mesma (referir no comentário se o nome de seguidor for diferente do comentario)
- Participações Anónimas serão invalidadas.
- O jogo decorrerá até o mistério ser resolvido.
- Será dada uma pista TODOS os dias (salvo raras excepções e eu ficar impossibilitada de vir à net).
- Caso o prémio disponível seja volumoso o valor dos portes poderá ser repartido entre mim e o vencedor.
- Deve ser dado,apenas, um palpite por pessoa durante TODO o desafio (esta regra foi alterada de modo a prevenir que se acerte "ao calhas", pois a ideia é irem juntando as pistas até terem a certeza de quem estou a falar....)
- Nem o blog nem as/os autoras/es se responsabilizam por danos/extravios nos ctt.


E aqui fica a pista:

  • Tem 1 livro publicado em português

Pistas acumuladas:
  • É uma autora
  • É estrangeira
  •  Tem 1 livro publicado em português
Ainda não chegam lá?
Esperem pela próxima pista, amanhã por volta das 20h.

Boa Sorte :)

[Novidades] - Planeta: Inicio de Maio (2/05)



 
 
 
232 páginas │
PVP: 16,65 € │
Disponível a 2 de Maio
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Sinopse:
Em Portugal diz-se que o respeitinho é muito lindo.Mas nunca foi muito praticado. 
Em tempos passados, mesmo com uma Justiça justiceira, que mandava matar à mínima suspeita, os portugueses tinham forças e artes para se manifestarem, revoltarem, conspirarem e aldrabarem as autoridades. 
Quando apanhados, raramente havia clemência: tortura, degredo, forca, decepamentos, fuzilamentos e o mais que houvesse à mão. 
O subtítulo deste livro não é ingénuo: todos os portugueses se lembram do famoso apelo de Pinheiro de Azevedo à multidão, da janela dos Paços do Concelho: «O povo é sereno». Essa imagem de um povo manso tem sido contrariada em muitas ocasiões da História: seja pelos crimes que o «bom povo» planeia, sejam pelas penas que eram aplicadas a esses crimes.
Ao ler esta recolha, é fácil perceber como a corrupção dos poderes não é invenção de hoje, como o dinheiro sempre foi desviado do bem comum em muitas direcções e como o povo às vezes se esquece de que «é sereno» e se revolta para defender os seus direitos. 
O primeiro volume desta obra, Crime e Castigo no País dos Brandos Costumes, publicado em Abril de 2011, integra um conjunto de 30 narrativas que retratam crimes passionais, banditismo e associação criminosa, homicídios repugnantes, assaltos a igrejas e outros crimes religiosos (Inquisição), com o denominador comum da condenação à pena capital dos seus autores. 
O autor demonstra, uma vez mais, mas neste segundo volume com especial força em relação aos dias que vivemos em Portugal, que a História é um livro aberto para interpretarmos o presente e a memória é uma arma de consciência e de defesa inestimável para não cairmos nos mesmos erros vezes sem conta... 

Sobre o autor:
Pedro Almeida Vieira nasceu em Coimbra em Novembro de 1969 e vive em Lisboa. Licenciado em Engenharia Biofísica pela Universidade de Évora, tem repartido a sua actividade pelo jornalismo, a escrita e a investigação académica. Foi jornalista da revista Grande Reportagem e do Expresso. 
No ensaio, publicou O Estrago da Nação (2003) e Portugal: O Vermelho e o Negro(2006). 
Na ficção, estreou-se com Nove Mil Passos (2004), a que se seguiu O Profeta do Castigo Divino (2005), A Mão Esquerda de Deus (2009, finalista do Prémio Literário Casino da Póvoa / Correntes d’Escritas) e Corja Maldita (2010). 
Em 2012 foi responsável pela redescoberta, fixação de texto e notas de O Estudante de Coimbra, o pioneiro romance moderno português, de Guilherme Centazzi. 
Criou e gere a biblioHistória, a primeira base de dados de literatura histórica.

 

 
 
344 páginas │
PVP: 17,76 € │
Disponível a 2 de Maio
 
 










Sinopse:
A Boa Rapariga: Abby Abernathy não bebe, não pragueja e trabalha muito. Está enterrada no nefasto passado, mas, quando entra no colégio, os seus sonhos de um novo começo sofrem um desafio numa noite. 
O Mau Rapaz: Travis Maddox, sensual, atlético e coberto de tatuagens é exactamente o que Abby precisa – e quer – evitar. Ele passa as noites a ganhar dinheiro num clube de combate e os dias no colégio Lothario. 
Desastre Iminente?... Intrigado pela resistência de Abby ao seu charme, Travis entra na sua vida por uma aposta. Se perder, deverá viver em celibato durante um mês. Se Abby perder, terá de viver no apartamento de Travis por um período semelhante. 
…Ou o Princípio de Algo Maravilhoso? Travis não faz ideia de que encontrou uma parceira de jogo à altura. Ou será o princípio de uma relação obsessiva que irá conduzi-los a um território inimaginável…

Sobre o autor:
Jamie McGuire autopublicou Um Desastre Maravilhoso, que conseguiu ser best-seller do New York Times e do USA Today. É também autora da série Providence. 
Licenciou-se no Northern Oklahoma College em Ciência Aplicada de Radiografia e vive com as duas filhas em Oklahoma. 
É escritora a tempo inteiro e trabalha actualmente em vários projectos.
 

 
 
352 páginas
PVP: 17,76€
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
  Sinopse:
Callie tem dezasseis anos e vive com Tyler, o irmão mais novo, e Michael, um amigo, nos escombros da cidade de Los Angeles. 
Quando as Guerras dos Esporos rebentaram, matando todos aqueles que tinham mais de vinte anos e menos de sessenta, Callie perdeu os pais. Como muitos outros Iniciantes, teve de aprender a sobreviver, ocupando prédios desabitados, roubando água e alimentos, fugindo aos Inspectores e combatendo os Renegados. 
Para tirar Tyler das ruas e garantir ao irmão uma vida melhor, Callie só vê uma solução: oferecer a sua juventude à Destinos Primordiais, uma empresa misteriosa que aluga corpos adolescentes aos velhos Terminantes — seniores, com centenas de anos, que querem ser jovens outra vez. 
A vida quase parece um conto de fadas, até Callie descobrir que a sua locatária não quer apenas divertir-se e que, no mundo perverso da Destinos Primordiais, a sobrevivência é apenas o começo. 

Sobre a autora:
Lissa Price estudou fotografia e escrita, mas o mundo acabou por ser o seu maior professor. 
Andou com os elefantes no Botswana, nadou com os pinguins nos Galápagos, viu o pôr do Sol num campo com duzentos nómadas em Gurajat, na Índia. Foi cercada por centenas de búfalos-do-cabo na África do Sul e assistiu a um coro quase silencioso de uma centena de golfinhos selvagens na costa de Oahu. 
Dançou em cabanas de barro em casamentos na Índia e bebeu chá com a mais famosa personalidade viva no Kyoto. 
Quando se sentou para escrever, percebeu que a mais surpreendente viagem estava dentro da sua cabeça. 
Vive no sopé das colinas no Norte da Califórnia com o marido e os ocasionais veados. 


 
 
 
 
 320 páginas │
PVP: 15,50 €
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 Sinopse:
Daniel tem 13 anos e vai pela primeira vez à Índia com os pais e a irmã, visitar a avó. Mas, a meio da viagem, o comboio é atacado por rebeldes e Daniel dá por si sozinho, perdido no meio da selva indiana. 
A partir daqui, Daniel entra numa aventura que o leva a ele e a um grupo de jovens, que também foram recrutados para uma missão tão cheia de perigos como de maravilhas, a conhecer o mundo paralelo de Glyrmandia. 
Uma Criança, sábia e todo-poderosa, reina em Vissok Melleteton e precisa de segurança para poder crescer e manter assim o equilíbrio entre os mundos. Conseguirão Daniel e seus companheiros salvar Glyrmandia – e a si próprios – dos planos do infeliz e maléfico Raikzar?E conseguirão voltar para as suas famílias, ou mergulharão para sempre no negrume que ameaça a luminosa Glyrmandia?
Tudo depende deles, e terão de o fazer em conjunto!

Sobre a autora:
Filha de músicos, Rebeca Amorim Csalog nasceu em 14 de Janeiro de 1996, em Lisboa, onde vive. Começou a estudar violino aos três anos. Aos seis, entrou no Conservatório, onde escolheu como instrumento principal a harpa, e o violino como instrumento secundário. Como harpista, ganhou já prémios internacionais e actuou com músicos conceituados. Frequenta também aulas de canto no Coro Especial do Conservatório e é membro do Coro Infantil da Universidade de Lisboa, com o qual já fez inúmeros concertos por todo o país e no estrangeiro. 
Gosta de ler, desenhar, andar a cavalo, estar com os amigos e escrever – herança do avô, famoso escritor húngaro, quem sabe?

segunda-feira, 29 de abril de 2013

[20 Day Disney Princess Challenge] - Dia 7

7. Os pais que gostarias que te criassem

Bem... antes de mais: será que eu gostava de ser uma princesa?... tenho as minhas dúvidas.
Se formos a ver bem as familias das princesas da Disney são todas um bocadinho disfuncionais, como diz a nossa Catarina (sim sim do Páginas Encadernadas *.*) "os pais raramente aparecem nos filmes da Disney e quando aparecem:
a) Só aparece um dos pais,b) Os pais são controladores e não apoiam a decisão dos filhos,c) O filho foi raptado/amaldiçoado em tenra idade"

Por isso, não é uma pergunta fácil. 
Assim sendo, e como gostei muito de ter sido criada por uma mãe e um pai (ok, na verdade não trocava os meus papás por nenhuns), decidi escolher aquela "familia" que considero mais convencional (dentro do possivel nos desenhos animados): os pais da Brave 

  

[Resultados de Passatempos] - Resultado dos passatempos (fim de abril)



Prémio: 1 exemplar do livro "O Fim da Inocência II"

Colaboração: Oficina do Livro

Nº participações válidas: 103

Vencedor é....31.Débora Alexandra Matos Silva








Prémio:pulseira da foto

Colaboração: Baú da Papoila

Nº participações válidas:87

Vencedor é....41. Norma Gondar





[Quem Sou Eu?] - Autor/a Mistério 7: Pistas 1 e 2



E começa hoje o 7º desafio. Animados?

Vou recordar-vos quem foram os autores/as que já foram descobertos por aqui:
- Emilio Miranda
- Kate Pearce
- Maggie Shayne
- Luís Miguel Raposo
- Ana Rita Rendas
- Karen Chance

Como vocês já sabem, e já devem calcular qual a pista de hoje... esta vai ser muitooo vaga. E a de amanhã também seria, por isso decidi dar-vos já as duas hoje.

Podem começar já, desde hoje, a tentar adivinhar quem será o autor/a mistério, mas tenham atenção às regras  (ver abaixo).
Para isso basta comentarem este post com o vosso palpite e... boa sorte.
O vencedor/a será quem acertar mais rapidamente o enigma.

Regras:
- Apenas podem participar residentes em Portugal Continental e Ilhas
- Ser seguidor do blog ou da página de facebook da mesma (referir no comentário se o nome de seguidor for diferente do comentario)
- Participações Anónimas serão invalidadas.
- O jogo decorrerá até o mistério ser resolvido.
- Será dada uma pista TODOS os dias (salvo raras excepções e eu ficar impossibilitada de vir à net).
- Caso o prémio disponível seja volumoso o valor dos portes poderá ser repartido entre mim e o vencedor.
- Deve ser dado,apenas, um palpite por pessoa durante TODO o desafio (esta regra foi alterada de modo a prevenir que se acerte "ao calhas", pois a ideia é irem juntando as pistas até terem a certeza de quem estou a falar....)
- Nem o blog nem as/os autoras/es se responsabilizam por danos/extravios nos ctt.


E aqui ficam as pistas:


  • É uma autora (feminino)
  • É estrangeira

Muito Vagas como de costume.
Esperem pela próxima pista, amanhã por volta das 20h.

Boa Sorte :)

[As Receitas da Marina] - Scones

Os scones são muito populares no Reino Unido, conhecidos pelo acompanhamento perfeito para o "chá das 5". São uns pães rápidos - quick bread (expressão usada para diferenciar os pães que não utilizam fermento biológico). O que os faz serem diferentes de um simples pão é que a manteiga adicionada deve ficar em pequenos pedaços, dando-lhes uma textura especial.

Ingredientes
 - 50gr de manteiga
 - 2 cups de farinha com fermento
 - ¾ cups leite meio-gordo
Preparação
 - Usando as pontas dos dedos, envolva a manteiga com a farinha até ficar com um aspecto granulado.
 - Faça um buraco no centro da farinha e adicione o leite, misturando com uma colher ou com as mãos até ficar bem unido. Se a massa estiver seca, adicione um pouco mais de leite.
 - Verta a massa para uma bancada enfarinhada e trabalhe um pouco, até formar uma bola. Estenda a massa até ter 2cm de altura e, com um cortador com 6cm, corte a massa.
 - Disponha os discos de massa num tabuleiro forrado com papel vegetal e leve a cozer em forno pré-aquecido nos 220ºC, durante 12-15 minutos, até ficarem douradinhos por cima.
 - Sirva de imediato com o acompanhamento que mais desejar.

O acompanhamento foi : Doce de Tomate

sábado, 27 de abril de 2013

[Quem Sou Eu?] - Autor/a Mistério 6: Vencedor



E temos mais uma vencedora no "Quem sou eu".
Assim parabéns para ...Menina.


As pistas acumuladas foram: 

  1. É uma autora
  2. É estrangeira
  3.  Tem 2 séries publicadas, no estrangeiro. (site sobre a autora)
  4. Em portugal tem publicados 2 livros de uma das suas séries (wook)
  5. Escritora a full-time desde 2008, antes era professora universitária (goodreads)


E a autora mistério era....Karen Chance


 
A vencedora irá receber um exemplar autografado pela autora, que será enviado pela mesma, pelo que eu não sei qual é. esperemos que a vencedora depois nos mostre:)

Obrigada a todos pela participação, e mantenham-se atentos, tenho mais prémios para vocês. Nos próximos dias teremos outro Quem sou eu.

[Quem Sou Eu?] - Autor/a Mistério 6: Pista 5


Ainda ninguém acertou, e desta vez atingimos a pista 5. Está mais dificil desta vez hum?

Regras:
- Apenas podem participar residentes em Portugal Continental e Ilhas
- Ser seguidor do blog ou da página de facebook da mesma (referir no comentário se o nome de seguidor for diferente do comentario)
- Participações Anónimas serão invalidadas.
- O jogo decorrerá até o mistério ser resolvido.
- Será dada uma pista TODOS os dias (salvo raras excepções e eu ficar impossibilitada de vir à net).
- Caso o prémio disponível seja volumoso o valor dos portes poderá ser repartido entre mim e o vencedor.
- Deve ser dado,apenas, um palpite por pessoa durante TODO o desafio (esta regra foi alterada de modo a prevenir que se acerte "ao calhas", pois a ideia é irem juntando as pistas até terem a certeza de quem estou a falar....)
- Nem o blog nem as/os autoras/es se responsabilizam por danos/extravios nos ctt.


E aqui fica a pista:

  • É escritora a full-time desde 2008, antes era professora universitária.

Pistas acumuladas:
  • É uma autora
  • É estrangeira
  •  Tem 2 séries publicadas, no estrangeiro. (site sobre a autora)
  • Em portugal tem publicados 2 livros de uma das suas séries (wook)
  • Escritora a full-time desde 2008, antes era professora universitária (goodreads)
p.s - encontra-se pouca informação sobre a autora, e de modo a não criar falsas pistas coloquei á frente delas a fonte de onde retirei
Ainda não chegam lá?
Esperem pela próxima pista, amanhã por volta das 20h.

Boa Sorte :)

[Opinião] - "Nas Asas do Amanhã" de Sarah Sundin





"Não era responsável pela morte de Jim, tal como não era responsável pela morte de Ray. A sua luta interna levara-o ao combate e ele próprio escolhera fazer uma segunda comissão. Para além disso, crescera em confiança, em coragem e em força. Talvez precisasse mesmo de ir. Ao menos tinha morrido em paz."








Este é o terceiro, e último, livro da trilogia Asas de Glória. Podem ver as opiniões do primeiro e do segundo volume aqui no blog.

Neste livro é-nos contada a história de Ray, um dos 3 filhos da família Novak. Nos primeiros dois livros conhecemos os outros dois irmãos, Walter e Jack, bem como as suas paixões, Allie e Ruth.
Os três livros passam-se no mesmo período de tempo, e vão-se "cruzando" em diversos pontos, pelo que, através da leitura dos dois primeiros volumes, já sabiamos algumas das peripécias que acontecem a Ray neste último livro. Claro que aqui todas as situações nos são contadas de forma mais completa, e através da visão deste personagem.

No que diz respeito às missões e á vida profissional de Ray, este livro é bastante semelhante aos outros dois. Continuo a gostar bastante do tema e do contexto da segunda grande guerra, no entanto o que nos é contado acerca dos aviões e de algumas das missões já nos é familiar das leituras anteriores. Assim, o ponto forte deste livro, e o que me fez gostar mais deste do que do segundo volume, é a história de Helen Carlisle, o amor de Ray. Uma jovem de 22 anos, viúva e com um filho pequeno, que acarreta consigo anos de sofrimento enquanto esteve casada, e que continua a viver o horror da violência. Vive com os seus fantasmas até se conseguir libertar dele, por si e pelo seu filho, Jay-Jay.

Um tema que é transversal aos três livros, e que se encontra bastante marcado na trilogia, é a religião. A familia Novak é extremamente religiosa, o pai dos jovens é pastor, e Ray tende a seguir-lhe as pisadas. No entanto, neste livro, a religião é focada, a meu ver, de forma mais subtil, o que tornou a leitura (para mim que tenho algumas reservas no que diz respeito a deus e à religião) bastante mais interessante.

Um bom livro para terminar esta trilogia. Uma história de luta, de sofrimento, de sobrevivencia, de força e de redenção. Aconselho, em especial a quem leu os livros anteriores.

[Novidades] - Lua de Papel: "A Rainha" de Amanda Hocking



Ano da Edição / Impressão / 2013
Número Páginas / 264
ISBN / 9789892323305
Editora / LUA DE PAPEL
 
 
28 de Maio
 
 
 
 
 
Sinopse:

E se a única forma de salvar quem amas fosse sacrificar a tua própria vida? "Os seus livros provocaram um frenesim que já não se sentia desde Stephenie Meyer ou até mesmo J.K.Rowling." The New York Times Prestes a tornar-se Rainha, Wendy enfrenta uma escolha impossível. Para conseguir salvar o seu reino terá de se sacrificar a si própria. Conseguirá ela escapar ao destino? A vida de Wendy está prestes a mudar para sempre. Dentro de alguns dias, quando fizer 18 anos, vai casar-se com um homem que não ama e tornar-se rainha dos trylle. E parece inevitável entrar em guerra contra o próprio pai, o maléfico rei dos vittra. Wendy enfrenta a mais difícil escolha da sua vida. A única forma de salvar os trylle dos seus inimigos mortais é sacrificando-se a si própria e entregar-se como prémio ao pai. Mas como poderá ela abandonar as pessoas que ama, mesmo quando essa é a única maneira de as salvar? Como se tudo isto não bastasse, Loki, o vittra que ajudou Wendy a fugir do rei Oren, vem pedir-lhe asilo. O seu súbito aparecimento faz despertar novamente a paixão que os une. A sua vida amorosa complica-se ainda mais, pois Finn, o seu leal guarda-costas, não parece disposto a abrir mão dela. Nunca tanto esteve em jogo e Wendy, apaixonada por Finn e por Loki, vai ter de se decidir...

[Novidades] - ASA: Maio 2013




 
 Ano da Edição / Impressão / 2013
Número Páginas / 296
ISBN / 9789892323510
Editora / ASA
 
7 de Maio
 
 
 
 
 
 
 
 
Sinopse:
A neozelandesa Marguerite não podia então imaginar como estas palavras iam mudar a sua vida. Ela viajava pelo Médio Oriente com uma amiga quando conheceu o carismático Mohammad, na Jordânia. A paixão que sentiram um pelo outro foi imediata. Por amor, Marguerite trocou a abundância do seu país pela aridez do deserto. Corajosamente e de uma forma simples e tocante, ela relata o seu dia a dia a partir do momento em que casou com o jovem beduíno e deu à luz os seus três filhos. Assistimos à sua adaptação a um modo de vida totalmente novo, que vai desde habitar numa caverna, sem eletricidade ou água canalizada, a ter de ir de burro buscar água, lavar a roupa no rio, fazer pão e aprender a língua e os costumes de um povo primitivo. Assistimos ao choque cultural, linguístico e religioso, mas também à sua adaptação, por amor e grande entrega, a um povo que - embora primitivo e supersticioso - a recebeu e integrou como sendo uma deles.




Ano da Edição / Impressão / 2013
Número Páginas / 536
ISBN / 9789892323466
Editora / ASA
 
14 de Maio
 
 
 
 
 
 
Sinopse:
Em 1847, na pequena vila de Inhambane, um punhado de famílias esquecidas pela coroa portuguesa luta heroicamente para impor uma nova civilização em território africano.   Acabado de se ordenar em Lisboa, o jovem padre Joaquim Santa Rita Montanha é enviado para Moçambique com a sagrada missão de prestar apoio espiritual aos europeus e evangelizar os indígenas. O seu sonho de realizar uma obra que fique para a história depara-se com dificuldades que parecem insuperáveis. Mas, apesar de todos os obstáculos, o padre Montanha nunca desiste dos seus objectivos ambiciosos e, em breve, torna-se o pilar desta pequena sociedade branca rodeada por milhares de guerreiros de tribos hostis. Personagem complexa, o padre Montanha é um fervoroso homem de Deus que goza de invulgar prestígio mas não abdica de uma paixão arrebatada pela escrava Leonor, com quem vive um amor proibido.  É, sobretudo, o explorador que não hesita em enfrentar perigos imensos para concretizar uma viagem aos holandeses no interior do sertão e, assim, inaugurar as relações diplomáticas entre o reino de Portugal e os fundadores da futura República Sul-Africana. Tal como o tenente Montanha, personagem inesquecível do seu anterior romance O Tempo dos Amores Perfeitos, o padre Montanha é antepassado do autor. O Império dos Homens Bons é resultado de uma minuciosa pesquisa sobre a vida deste homem singular e a recriação histórica de uma época de grande romantismo em África. Trata-se de um retrato de época brilhante e de enorme talento. 
 

 
 
Ano da Edição / Impressão / 2013
Número Páginas / 288
ISBN / 9789892323381
Editora / ASA
 
 
14 de Maio
 
 
 
 
 
Sinopse:
Românticas ruelas de calçada, piazzas repletas de vida, cafés e bares vibrantes de música e desejo... Não há no mundo cidade como Roma. É aqui que Serafina vive rodeada pelo carinho da mãe e das duas irmãs. Habitam um minúsculo apartamento delapidado e têm pouco ou nenhum dinheiro, mas a alegria está sempre presente. Quando a mãe sai, sempre bela no seu vestido simples e feito em casa, as irmãs vão cantar para a rua. É um atrevimento que as diverte e lhes permite obter dinheiro para fazerem o que mais gostam: ir ao cinema. Elas suspiram e sonham com as estrelas das matinés. Mas Serafina nunca imaginou conhecer pessoalmente o seu ídolo: o ator e cantor Mario Lanza. Quando as portas da magnífica Villa Badoglio - lar da família Lanza - se abrem para a acolher, a jovem é apresentada a um mundo de sonho. E é rodeada pelo luxo e o glamour que conhece Pepe, o talentoso chef capaz das mais suculentas iguarias e das mais ternurentas emoções. Serafina está apaixonada e a viver dias dourados mas não consegue evitar sentir que aquele não é o seu mundo. Dividida entre a vida modesta que conhece e a promessa de um futuro melhor, Serafina vai ser obrigada a crescer. Vai sofrer, amar e descobrir que a realidade nunca é apenas o que parece. Que a vida é simultaneamente mais difícil e mais bela do que um sonho.
 
 
 
Ano da Edição / Impressão / 2013
Número Páginas / 352
ISBN / 9789892323404
Editora / ASA
 
 
21 de Maio
 
 
 
 
 
Sinopse:
Para Miles Ryan, o mundo desabou no dia em que a sua mulher morreu. Missy fora o seu primeiro amor, a companheira de todos os momentos, a carinhosa mãe de Jonah, o filho de ambos. Juntos, tinham uma vida de sonho. Mas uma noite Missy saiu para correr e não voltou. Foi atropelada numa rua perto de casa. As investigações da polícia nada revelaram. Agora, dois anos depois, Miles ainda se culpa por não ter descoberto o autor do crime e Jonah, já com sete anos, vive numa imensa solidão. Mas há uma luz no seu caminho: Sarah, uma nova professora que entende a sua perda e não desiste perante as dificuldades. Ela própria está ainda a recuperar de um divórcio que a feriu de morte. Decidida a ajudar o menino, Sarah reúne-se com Miles. Desse simples encontro nascerá uma paixão verdadeira. Contra todas as expectativas, eles amam e riem de novo. Mas um segredo paira sobre o casal. Um segredo que os obrigará a questionar tudo aquilo em que acreditavam... e a fazer a escolha que mudará as suas vidas para sempre. Um dos mais ternos e intensos livros de Nicholas Sparks, Uma Promessa para Toda a Vida é uma mensagem de esperança e uma ode de amor à vida. Um romance inesquecível sobre as imperfeições do ser humano, a resistência perante a adversidade e a incomparável alegria que sentimos quando nos entregamos ao amor. 
 


Ano da Edição / Impressão / 2013
Número Páginas / 224
ISBN / 9789892323442
Editora / ASA
 
 
28 de Maio
 
 
 
 
 
 
Sinopse:
Hercule Poirot regressa à mansão de Styles, palco do seu primeiro caso. Na casa está reunido um grupo que muito agrada ao Capitão Hastings. O seu choque é, pois, imenso quando Poirot anuncia que, entre eles, se encontra um assassino implacável. Nenhum dos convidados tem perfil de criminoso, muito pelo contrário. Com o passar dos anos, a saúde do detetive deteriorou-se. Será que as suas célebres celulazinhas cinzentas vão desapontá-lo pela primeira vez? Cai o pano: O último caso de Poirot (Curtain: Poirot`s last case) foi originalmente publicado em 1975 na Grã-Bretanha, tendo sido editado no mesmo ano nos Estados Unidos.
 

sexta-feira, 26 de abril de 2013

[Quem Sou Eu?] - Autor/a Mistério 6: Pista 4


E como ainda ninguém acertou, aí vem a quarta pista.
Atenção aos posts anteriores para não repetirem palpites errados.

Regras:
- Apenas podem participar residentes em Portugal Continental e Ilhas
- Ser seguidor do blog ou da página de facebook da mesma (referir no comentário se o nome de seguidor for diferente do comentario)
- Participações Anónimas serão invalidadas.
- O jogo decorrerá até o mistério ser resolvido.
- Será dada uma pista TODOS os dias (salvo raras excepções e eu ficar impossibilitada de vir à net).
- Caso o prémio disponível seja volumoso o valor dos portes poderá ser repartido entre mim e o vencedor.
- Deve ser dado,apenas, um palpite por pessoa durante TODO o desafio (esta regra foi alterada de modo a prevenir que se acerte "ao calhas", pois a ideia é irem juntando as pistas até terem a certeza de quem estou a falar....)
- Nem o blog nem as/os autoras/es se responsabilizam por danos/extravios nos ctt.


E aqui fica a pista:



  • Em Portugal tem publicados 2 livros de uma das suas séries.

Pistas acumuladas:
  • É uma autora
  • É estrangeira
  •  Tem 2 séries publicadas, no estrangeiro.
  • Em portugal tem publicados 2 livros de uma das suas séries
Ainda não chegam lá?
Esperem pela próxima pista, amanhã por volta das 20h.

Boa Sorte :)

[Resultados de Passatempos] - Resultados de Passatempos em atraso (Abril 2013)



Prémio: 1 exemplar do livro "Dalila"

Colaboração: Planeta Editora

Nº participações válidas: 156

Vencedor é....95.Liliana Sofia Dias Gonçalves












 Prémio: 1 exemplar do livro "Faça da crise o seu sucesso"

Colaboração: Dina Livro

Nº participações válidas: 115

Vencedor é....16.Ana Ester da Veiga Rodrigues






 Prémio: 1 exemplar do livro "H2O"

Colaboração: Alphabetum

Nº participações válidas: 64

Vencedor é....19. Andreia Isabel Oliveira da Silva

[Passatempo] - "Um Segredo no Seu Beijo" de Anna Randol



O Tertúlias, em colaboração com a Planeta, tem para oferecer  um exemplar do livro "Um Segredo no Seu Beijo" de Anna Randol


Para terem a hipótese de ganhar este livro basta responderem acertadamente às questões abaixo, e claro, seguir as regras.
Podem participar até ás 23h59 de dia 03 de Maio.


As respostas podem ser encontradas aqui e aqui.






Regras do Passatempo:
1) O passatempo decorrerá até às 23h59 do dia 03 de Maio
2) Qualquer participação que não possua algum dos dados correctamente preenchido ou contenha respostas incorrectas é automaticamente anulada.
3) OBRIGATÓRIO ser seguidor público do blogue ou seguidor via facebook 
  
4) O vencedor será escolhido aleatoriamente, através do Random.
 
5) O vencedor será publicado no blogue e será contactado por email.
  
6) Só é aceite uma participação por pessoa/email e residentes em Portugal (continental e ilhas)  
7) Nem eu nem as editoras nos responsabilizamos por extravios nos ctt



[Novidade] - Matéria Prima Edições: "O Inimigo Invisivel" de Rute Pinheiro Coelho


 
 
 Titulo: O Inimigo Invisivel
Autora:  Rute Pinheiro Coelho
Ficção
Número de páginas: 280
PVP com IVA: € 14,80
Disponível: 02 Maio 13




Até onde vai o poder da MAÇONARIA em Portugal? 
 
 «Um retrato assustador dos que na sombra escolhem os que mandam nas nossas vidas. Imperdível.»
Nicolau Santos
(Director-adjunto do semanário Expresso)
 

Sobre o livro:
Margarida Vaz Mendonça descobre que o primeiro-ministro foi escolhido e preparado para o cargo pela Maçonaria. Confrontada com um relato detalhado sobre os bastidores dos partidos e da vida politica portuguesa, a jornalista tem acesso a informações que põem em causa a democracia.
O poder escondido da irmandade, a forma como actua nos meios de comunicação social e as ligações que fomenta entre Portugal e Angola, a América Latina e Timor-Leste tornam-se claras aos seus olhos. Numa vertigem de receios e sentimentos contraditórios, a jornalista decide partilhar com o mundo todos os segredos que lhe foram revelados… Mas a tarefa torna-se complicada. A teia do poder da Maçonaria é demasiado complexa. E atingir um inimigo invisível passa a ser mais difícil do que nunca.
Neste livro, o leitor é levado a entrar no perigoso mundo de influências que dominam grande parte das decisões políticas do país. Um jogo de máscaras e sombras que apenas a coragem poderá destruir.

Sobre a autora:
Rute Pinheiro Coelho, advogada, licenciou-se em Direito na Faculdade de Lisboa. Apesar da advocacia, sempre se dedicou à escrita. Publicou os seus primeiros artigos no suplemento semanal do Diário de Notícias, DNJovem, e ganhou vários prémios literários juvenis. O tema da Maçonaria foi algo que desde cedo a interessou e ao qual tem vindo a dedicar muita atenção, não só pelo simbolismo latente, mas pela sua influência nos partidos e na vida política. O Inimigo Invisível é o seu primeiro romance.

Nova Editora Nacional - Editorial Divergência






Venho hoje apresentar-vos um novo projecto nacional, neste caso, uma nova editora: Editorial Divergência.

Tal como podemos ler no site oficial (no link acima caso queiram dar uma espreitadela), "a Editorial Divergência é uma editora centrada na ficção especulativa."
Irá apostar exclusivamente no talento nacional  "promovendo uma relação de honestidade e confiança com os autores. Pretendemos criar edições acessíveis e de qualidade, com regularidade e sem acordo ortográfico.

O nosso logótipo representa um rebento, que divergiu da semente, ganhando vida própria, tal como faremos com os trabalhos dos nossos autores. Cada uma das folhas representa as várias vertentes da ficção especulativa: fantasia, ficção científica, terror.
As folhas estão também ligadas às três éticas da editora:
  • cuidar do planeta: edições amigas do ambiente
  • cuidar dos autores e leitores: os autores recebem apoio na divulgação e pagamento justo (10% do preço de capa) pelo seu trabalho sem terem de pagar/investir um único cêntimo; os leitores terão acesso a edições de qualidade a um preço acessível.
  • partilha dos lucros: o lucros subsequentes serão usados no crescimento da editora e no investimento em novos autores."

Assim, se tem um manuscrito "enfiado" numa gaveta e não sabe o que lhe fazer, se julga  ter qualidade e quer ver a sua obra publicada, a editora está a receber manuscritos, e precisa deles para poder realmente fazer um trabalho de qualidade, tal como ambiciona.





Para mais informações acedam ao site e tirem as vossas dúvidas.

[Novidades] - Civilização Editora: Abril 2013



Título: Um amor Perdido
Autor: Alyson Richman
N.º de Páginas: 320
Tradução: Fátima Vieira
Capa: mole
PVP: 17,50 € 

Sinopse:
Nos últimos tempos de tranquilidade na Praga do pré-guerra, Lenka, uma jovem estudante de arte, apaixona-se por Josef. Casam-se, mas, pouco tempo depois, como tantos outros, são separados pela guerra. Na América, Josef torna-se um obstetra bem-sucedido e constrói uma família, apesar de nunca esquecer a mulher que acredita ter morrido nos campos de concentração. Mas no gueto nazi de Terezín – e mais tarde em Auschwitz – Lenka sobreviveu, graças aos seus dotes artísticos e à memória de um marido que julgava nunca voltar a ver. Agora, passadas décadas, um encontro inesperado em Nova Iorque reúne Lenka e Josef de novo. Do conforto da vida em Praga antes da ocupação aos horrores da Europa Nazi, Um Amor Perdido explora a resistência do primeiro amor e do espírito humano e a capacidade de recordar.



Título: A Verdadeira História do Capitão Gancho
Autor: Pierdomenico Baccalario
N.º de Páginas: 344
Tradução: Francesco Mai
Capa: mole
PVP: 10,99 € 

Sinopse:
No dia 28 de abril de 1829, nasce uma criança que poderá vir a mudar o futuro da Inglaterra: é o filho ilegítimo do rei Jorge IV. Por este motivo, é afastado da corte e exilado para as Índias Orientais, levando consigo nada mais do que um relógio antigo, a sua única ligação com o passado. Mas, aos treze anos, James Fry - é este o seu nome - volta a embarcar num navio e inicia a sua carreira de pirata, que irá fazer dele o homem mais procurado do Império. A história conhece-o por "o jovem lorde", "o descalço", "o príncipe dos mares", mas poucos sabem que na verdade ele é. o Capitão Gancho.


 
Título: Cupcakes Autor: Susannah Blake N.º de Páginas: 64 Fotografia: Martin Brigdale Tradução: Isabel Leite da Silva Capa: dura PVP: 9,99 € 
Sinopse: Uma coleção verdadeiramente irresistível de receitas de cupcakes para festas, lanches ou para seu próprio prazer.








Título: Macarons
Autor: Annie Rigg
N.º de Páginas: 64
Fotografia: Kate Whitaker
Tradução: Marlene Campos
Capa: dura
PVP: 9,99 € 

Sinopse:
Crie o seu próprio idílio parisiense com estas infalíveis receitas de macarons.

quinta-feira, 25 de abril de 2013

[Quem Sou Eu?] - Autor/a Mistério 6: Pista 3


Ninguém acertou ainda.
E aí vem a terceira pista.

Regras:
- Apenas podem participar residentes em Portugal Continental e Ilhas
- Ser seguidor do blog ou da página de facebook da mesma (referir no comentário se o nome de seguidor for diferente do comentario)
- Participações Anónimas serão invalidadas.
- O jogo decorrerá até o mistério ser resolvido.
- Será dada uma pista TODOS os dias (salvo raras excepções e eu ficar impossibilitada de vir à net).
- Caso o prémio disponível seja volumoso o valor dos portes poderá ser repartido entre mim e o vencedor.
- Deve ser dado,apenas, um palpite por pessoa durante TODO o desafio (esta regra foi alterada de modo a prevenir que se acerte "ao calhas", pois a ideia é irem juntando as pistas até terem a certeza de quem estou a falar....)
- Nem o blog nem as/os autoras/es se responsabilizam por danos/extravios nos ctt.


E aqui fica a pista:


  • Tem publicadas, no estrangeiro, 2 séries (ou sagas como quiserem).

Pistas acumuladas:
  • É uma autora
  • É estrangeira
  •  Tem 2 séries publicadas, no estrangeiro.
Ainda não chegam lá?
Esperem pela próxima pista, amanhã por volta das 20h.

Boa Sorte :)

quarta-feira, 24 de abril de 2013

"Uma Carta ao Meu Futuro Filho" de Ana Rita Rendas

Lembram-se da Ana Rita Rendas, autora do livro "Reflexo de Emoções"? (podem ver a entrevista da autora aqui). Pois é, ela começou a escrever no seu perfil pessoal do facebook uma colectanea á qual chama "Cartas ao meu futuro filho".

Eu adoro as cartas, e leio cada uma delas com imenso carinho. Assim, não consegui deixar de partilhar convosco a escrita desta jovem, também estudante de psicologia. Quem sabe um dia estas cartas não venham a ser compiladas e publicadas? Até lá partilhamos com vocês mais um pouco daquilo que a Ana escreve.

Espero que gostem.

Uma Carta ao meu futuro Filho (Carta nº1)

Hoje em vésperas de Natal apeteceu-me escrever para o futuro...
Filhote, olha para mim e lê nos meus olhos o quanto eu te amo, já te amo sem tu sequer existires, sabias?Sem conhecer o teu rosto, sem saber se vais deitar todas as papas para o ar ou se vais cuspir a chucha para o chão; sem saber se vais ter covinhas nas bochechas ou se vais ter uma covinha no queixo como eu; sem saber se vais gostar mais de jogar às escondidas ou à apanhada; sem saber se vais gostar de sopa ou de peixe; sem saber se vais ser preguiçoso ou cheio de energia; sem saber se vais gatinhar ou arrastar-te; sem saber se vais sorrir quando me vires ou se vais fazer caretas; sem saber se vais chegar a casa com os joelhos esfolados de subir às árvores ou se vais chegar cheio de tintas coloridas; sem saber se vais ser trapalhão ou não.Já te amo sem te sentir dentro de mim, sem tu correres para mim e deitares-me ao chão, sem te abraçar, sem te fazer cócegas... sem sequer saber se serás um menino ou uma menina.Pode ser que um dia, quando tu existires eu ainda tenha este texto para te mostrar; vou-to mostrar sabes para quê?Para saberes que com dezoito anos já te amava e para teres a certeza que te vou amar sempre!

Um abracinho grande o suficiente para chegar ao futuro
Sábado, dia 24 de Dezembro de 2011